Ex-presidente

Bolsonaro sobrevoa áreas atingidas por enchentes em SC

O governador do estado, Jorginho Mello (PL-SC), estava acompanhando o ex-presidente

acessibilidade:
Ex-presidente Jair Bolsonaro sobrevoa área atingida por enchente em SC. (Foto: Reprodução/Vídeo).

O ex-presidente da República Jair Bolsonaro (PL) sobrevoou nesta sexta-feira (13) áreas atingidas por enchentes em Santa Catarina.

O governador do estado, Jorginho Mello (PL-SC), estava acompanhando o ex-presidente.

Os estragos no estado foram causados pelo ciclone extra-tropical que assolou os estados do Rio Grande do Sul e também Santa Catarina deixando mais de 150 mil pessoas atingidas, de acordo com a Defesa Civil.

Após Bolsonaro publicar o post anunciando a visita em SC no ‘X’, antes conhecido como Twitter, internautas o parabenizaram pela ação e criticaram o presidente Lula (PT) por não visitar as áreas afetadas.

O petista já foi muito criticado pela oposição por “ignorar os estados afetados” e viajar no ápice das catástrofes para a Índia, onde participou da cúpula do G-20. 

A ausência de Lula nos locais gerou inclusive outra polêmica quando a primeira-dama do Brasil, Janja Lula, assumiu uma agenda presidencial no Rio Grande do Sul.

Como foi noticiado pela coluna Cláudio Humberto, o deputado Evair Vieira de Melo (PP-ES) abriu ofensiva contra Janja. O parlamentar acionou a Procuradoria-Geral da República (PGR) para apurar a legalidade de Janja “assumir a agenda presidencial”.

Com ares de chefe de governo, a viagem de Janja foi justificada pelo ministro Paulo Pimenta (Secom) para que a primeira-dama pudesse “olhar de perto” e “anunciar medidas” no Estado. Evair aponta o “crime de usurpação” previsto no artigo 328 do Código Penal.

 

 

 

 

 

Reportar Erro