Mais Lidas

Blitz de bagagens

Procon fiscaliza cobrança de bagagem no Aeroporto JK nesta sexta

O ato se repete em aeroportos de todo o país e terá o apoio de 14 entidades

acessibilidade:
A presença dos fiscais do Procon tem objetivo de verificar se as empresas aéreas estão informando sobre os valores da franquia Foto: Tânia Rego/ EBC

O Instituto de Defesa do Consumidor no Distrito Federal (Procon-DF) vai fiscalizar a cobrança da franquia de bagagens no Aeroporto Internacional de Brasília na manhã desta sexta-feira (27).

A presença dos fiscais do Procon tem objetivo de verificar se as empresas aéreas estão informando sobre os valores da franquia, quais são os valores cobrados para compra antecipada,  quais no embarque, e as dimensões e peso permitidos das bagagens a bordo. Além de esclarecer aos passageiros sobre seus direitos.

A diretora do Procon-DF, Ivone Machado ressalta que a cobrança por despacho de bagagem não proporcionou a redução dos preços das passagens aéreas, como se esperava. “As companhias aéreas, além de cobrarem pelo despacho da bagagem sem apresentarem redução no valor da passagem, ainda reajustam esse valor de modo deliberado e contínuo, passando a configurar desvantagem excessiva para o consumidor”.

Blitz Nacional nos Aeroportos

O ato se repete em todo o país e terá o apoio de 14 entidades, incluído a Ordem dos Advogados do Brasil Nacional (OAB), Associação Brasileira de Procons e a Associação Nacional do Ministério Público do Consumidor.

Aqui no DF, a fiscalização contará com a presença de representantes do Ministério Público do Distrito Federal (MPDFT) e da Ordem dos Advogados do Brasil no Distrito Federal (OAB-DF).