Cláudio Humberto

Nos EUA, planos premiam clientes. Já no Brasil…

acessibilidade:

Um casal de brasileiros, que reside nos Estados Unidos, tomou susto ao renovar o seguro de saúde: a empresa decidiu reduzir em 30% sua parcela mensal, segundo relatou à coluna. Fidelização e pontualidade são critérios para recompensar o cliente. Bem diferente do Brasil. Aqui, quando o cliente não é explorado pela própria operadora, a “agência reguladora” ANS consegue tornar essa relação ainda mais leonina.