Cláudio Humberto
Coluna CH/21 de novembro

Nas prévias, Doria encara Leite e cúpula do PSDB

acessibilidade:
João Doria ao lado de Eduardo Leite. Foto: Divulgação

A escolha do tucano que vai disputar o Planalto, nas prévias deste domingo (21), decorre do esforço da cúpula do PSDB para barrar João Doria, que não enfrentará apenas o gaúcho Eduardo Leite, mas a cúpula do partido. A briga começou em 2016, quando Doria, sem pedir licença aos cardeais tucanos, derrotou seu candidato Andrea Matarazzo. Em 2021, Doria enfrenta pela terceira vez a elite do PSDB, que se preparou para o embate, inclusive alterando as regras do jogo.

Aécio, o imexível

Doria virou um inimigo a ser abatido, no próprio partido, ao tentar expulsar Aécio Neves, deputado do PSDB-MG enrolado em corrupção.

Posto chave

Bruno Araújo, que chegou à presidência do PSDB pelas mãos de Doria, participou do conchavo da cúpula tucana que “lançou” Leite.

Eleição indireta

Araújo é acusado no PSDB-SP de, contra Doria, criar o sistema em que os votos da elite tucana valem mais que o voto dos demais filiados.

Digam que eu fico

O sonho da cúpula do PSDB é derrotar Doria e vê-lo saindo do partido, mas o governador acha que vai vencer e, em qualquer quadro, fica.

PT perde no exterior desde a eleição de 2002. Foto Lula Marques/Agência PT

PT perde no exterior desde a eleição de 2002

O tour europeu do ex-presidiário Lula, em pré-campanha, agradou os apoiadores, enquanto seus críticos ironizam a dificuldade do ex-presidiário de sair às ruas no Brasil. Esse tipo de viagem não gera frutos: a última vez que um candidato do PT a presidente foi o mais votado entre eleitores brasileiros no exterior foi em 2002, na disputa de Lula contra José Serra. Desde então, os votantes optaram pelos adversários dos petistas em oito turnos das eleições presidenciais.

Eleitos sem o exterior

Em 2006, contra Geraldo Alckmin, Lula perdeu ambos os turnos no exterior. Mesmo caso de Dilma, em 2010, contra Serra.

Nem segundo

Em 2014, o PT voltou a ser derrotado no exterior, pelo mineiro Aécio Neves. No primeiro turno, Dilma acabou em 3º lugar lá fora.

Deu Bolsonaro

Em 2018, Bolsonaro venceu no primeiro turno e, no segundo, obteve 71% dos votos de brasileiros que vivem no exterior. Haddad, 29%.

Poder sem Pudor

Má companhia

O governador do Ceará, Virgílio Távora, em 1953, viajava com o “coronel” Mário Leal em avião tão pequeno quanto precário, quando o motor parou. “Coronelzinho, são quatro horas da tarde e, pelo visto, nós ainda vamos ter tempo de jantar com os cão dos inferno!”, desabafou Mário Leal. Távora não gostou, mas não disse nada, preocupado. Até que o piloto fez o motor funcionar de novo e o avião pousou em paz. Távora cobrou do amigo: “Por que você disse que nós íamos jantar com os cão dos inferno?” Mário Leal olhou para o céu, coçou o cangote e disse, com todo respeito: “Excelência, senhor governador, eu sei com quem eu ando...”

Caixa Brasil afora

Há 118 fins de semana o presidente da Caixa viaja pelo País, visitando cada pedaço do País. Na maior parte dos destinos, Pedro Guimarães é saudado como o primeiro ocupante do cargo a aparecer na localidade.

Respeito necessário

É preciso respeitar a Educação. O Enem não pode ter influência de governo e nem de ativistas, que tentam impor suas pregações a 3,1 milhões de jovens de uma só vez. Educação não é adestramento.

Faltou contar

“A pedido de deputados”, a presidente do TCU, ministra Ana Arraes, mandou investigar o Enem. Faltou contar que os deputados eram de oposição, até filiados ao PSB controlado por sua família.

Contribuição importante

No dia em que o Brasil ultrapassou 300 milhões de vacinas contra covid aplicadas, a Fiocruz comemorou o sucesso da parceria com a AstraZeneca e suas 135,7 milhões de doses entregues ao governo.

É hoje

As eleições da seccional do DF da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-DF) será realizada neste domingo (21). Advogados podem votar pela internet, de qualquer lugar do mundo, com autenticação digital.

Por que parou?

A decisão do Supremo Tribunal Federal de suspender as emendas de relator do Orçamento da União (o tal “orçamento secreto”) completa duas semanas nesta terça (23), mas o acórdão ainda não foi publicado, o que impede a Câmara e o Senado de recorrerem da decisão.

Brasil voando

O ministro Tarcísio Freitas (Infraestrutura) comemorou o “maior leilão de terminal (portuário) dos últimos 20 anos” e os mais de R$ 4 bilhões contratados até agora. “Investimento chegando e martelo voando”, diz.

Curiosidade

A vice-presidente dos EUA, Kamala Harris, assumiu a presidência por 1h25, enquanto Joe Biden estava sob anestesia, em uma colonoscopia. Ao contrário do Brasil, lá o cargo não fica vago com viagem ao exterior.

Pensando bem...

...menor nível da pandemia desde o início deveria ser boa notícia.

Vídeos Relacionados