Cláudio Humberto
Coluna CH / 04 de abril

Governo abafa escândalo da agressão do filho de Lula à ex-mulher

acessibilidade:
Lula com o filho Luís Cláudio, acusado de agressão pela ex-companheira

O Planalto age fortemente para abafar a denúncia da médica Natália Schincariol à polícia contra Luís Cláudio, filho mais novo de Lula, por continuadas agressões físicas e morais. A omissão vergonhosa inclui parte da imprensa, em geral intolerante contra casos enquadrados na Lei Maria da Penha. Não houve qualquer reação oficial. Ministros da Mulher, da Justiça ou dos Direitos Humanos e nem a Presidência divulgaram frase, sequer nota, nem repudiaram o denunciado agressor de mulher.

Não é comigo

O Ministério da Justiça, há 50 dias levando baile de fugitivos de Mossoró, nem se acanhou de passar a bola de explicações à Polícia Civil paulista.

Condescendência

A Comissão dos Direitos da Mulher da Câmara, presidida pela petista Ana Pimentel (MG), rasgou a máscara e se calou diante da covardia.

Cadeia para quem?

Em Rondonópolis (MT), março de 2023, Lula gritou lacração: “Lugar de homem que bate em mulher é na cadeia”. Exceto para o filhão, claro.

Ao menos uma

À coluna, a procuradoria Especial da Mulher do Senado, Zenaide Maia (PSD-RN), disse se solidarizar à vítima e acompanhar o caso. Só isso.

Ministro Alexandre de Moraes (Foto: Carlos Moura/SCO/STF)

Arquivos do ex-Twitter indicam autoritarismo no TSE

A série de reportagens “Twitter Files” (Arquivos do Twitter), do jornalista americano Michael Shellenberger, revela como o Brasil está inserido na disputa político-ideológica pelo controle de informações. Desde que o empresário Elon Musk comprou a rede social Twitter, há dois anos, uma equipe de jornalistas independentes passa pente fino em trocas de e-mails, memorandos e outros documentos que comprovam a relação promíscua entre autoridades públicas e as redes sociais, mundo afora.

Expressão é direito

A reportagem mostra a atuação do Judiciário brasileiro, em especial do TSE, que “infringe direitos humanos” diz o jornalista.

Censura jabuticaba

“É como uma ditadura”, disse Shellenberger à Revista Oeste. Para aplicar censura “em outros países [ao menos] há uma burocracia”.

Só Twitter resistiu

Um dos e-mails mostra que Google, Facebook, Uber, WhatsApp e Instagram cederam todos os dados requisitados pelo TSE.

Poder sem Pudor

Vantagens da soneca

O poeta chileno Pablo Neruda era conhecido pelo hábito de abandonar qualquer coisa, após o almoço, por uma boa soneca. Era candidato a presidente de seu país quando visitou o Brasil. Em uma de suas muitas entrevistas, ele acabaria sendo confrontado com aquele hábito que fazia as delícias dos adversários. Neruda respondeu com tranquilidade: “Claro, vou continuar com a sesta. Enquanto estiver dormindo, a população saberá que não lhe vou fazer nenhum mal...”

Cortina de fumaça

Parlamentares de oposição apostavam, ontem, que seria questão de horas nova operação policial para abafar as denúncias de agressões físicas e morais de Luiz Cláudio, filho caçula de Lula, contra a ex-mulher.

História que envergonha

As redes sociais não perdoam mesmo... logo viralizou postagem de “Desaparecidos” com fotos de Janja, Guilherme Boulos e outros. Todos mudos após denúncia de agressão do caçula de Lula contra a ex-mulher.

História que orgulha

A WEG anunciou a substituição do CEO mais admirado do País, Harry Schmelzer, há 43 anos na companhia, por Alberto Kuba, 22 anos de casa. Nascida oficina de motores elétricos em Jaraguá do Sul (SC), a WEG virou empresa global com valor de mercado de R$160 bilhões.

Inteligência policial

O Paraná conseguiu reduzir em 28,7% no número de mortos em confrontos com forças de segurança do Estado, ao comparar 2022 com 2023. O levantamento é do Ministério Público estadual.

Frase do dia

“A mentira tem pernas curtas e logo a verdade prevalece.”

Ex-ministro da Saúde Marcelo Queiroga, após recorde de mortes de Yanomamis no governo Lula, que acusava Bolsonaro de ‘genocídio’ indígena

Bolsonaro no Nordeste

Jair Bolsonaro começa nesta sexta (5) o tour pelo Nordeste em Maceió, onde recebe título de cidadão alagoano. O ex-presidente também passará João Pessoa (PB), Fortaleza (CE), Recife (PE) e Curuaru (PE).

De volta à cena

Sem medo de beijar cobra na boca, Lula volta a Pernambuco nesta quinta (4) para inaugurar a inacabada estatal Hemobrás, palco de escândalos variados nos governos do PT.

Prévia

Instabilidade que derrubou Whatsapp e Instagram movimentou a classe política nesta quarta (3). Flávio Bolsonaro (PL-RJ) provocou, “Acharam ruim o apagão nas redes? Imagina quando o PT regular a internet…”.

Direita avança

Pesquisa do Wall Street Journal mostra avanço da direita nas eleições presidenciais dos Estados Unidos. O republicano Donald Trump supera o democrata Joe Biden em seis estados decisivos no pleito deste ano.

Penha quer saber

Janja, a presidente do PT, jornalistas engajadas, ONGs e parlamentares continuarão passando pano para o filho de Lula acusado de espancar a ex-mulher?

Reportar Erro