Cláudio Humberto
Coluna CH / 06 de dezembro

Câmara banca imóvel, com dinheiro público, até para quem não é deputado

acessibilidade:
Desde o início da Legislatura, em fevereiro, o auxílio-moradia das excelências já custou R$5,1 milhões ao pagador de impostos brasileiro. (Foto: Agência Câmara)

Os disputados apartamentos funcionais da Câmara dos Deputados têm 17 inquilinos que não são “da Casa”: seis ministros e 11 senadores que têm guarida garantida em um dos 432 apartamentos divididos em quatro superquadras de Brasília. Deputados alçados ao posto de ministro não abrem mão dos espaçosos imóveis; é o caso de André Fufuca (Esporte), Alexandre Padilha (Relações Institucionais), Celso Sabino (Turismo), Paulo Teixeira (Des. Agrário) e Silvio Costa Filho (Portos e Aeroportos).

Vai ficando

Atuais senadores, Wellington Fagundes (PL-MT), Efraim Filho (UB-PB), Davi Alcolumbre (UB-AP) e Romário (PL-RJ) desde 2015 lotam os apês.

Sem aperto

Quem não tem um funcional para chamar de seu ganha R$4,2 mil de auxílio-moradia e pode complementar com mais R$ 4,1 mil do cotão.

Boquinha

Dos 513 deputados federais, só 35 renunciaram aos imóveis funcionais e ao auxílio-moradia. Todos os oito parlamentares do DF estão na lista.

Por nossa conta

Desde o início da Legislatura, em fevereiro, o auxílio-moradia das excelências já custou R$5,1 milhões ao pagador de impostos brasileiro.

Governador de São Paulo, Tarcísio Gomes de Freitas -Foto: Fernando Nascimento /Secom SP.)

Ao contrário de Lula, Tarcísio prioriza indicar mulheres

O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Rep), nomeou mais uma mulher como desembargadora do Tribunal de Justiça do Estado. A advogada Ana Paula Patiño é a segunda indicada pelo governador paulista que, em maio, nomeou Marina Monassi para outra vaga no TJ-SP. No governo federal, o petista Lula não indicou mulheres ao Supremo Tribunal Federal (STF) e entre as três vagas abertas no Superior Tribunal de Justiça (STJ), apenas uma foi para uma mulher: Daniela Teixeira.

Opção

A Procuradoria-Geral do Estado de São Paulo também é ocupada por uma mulher (negra): Inês Coimbra, nomeada por Tarcísio de Freitas.

Contramão

Entre ministros, Lula demitiu primeiro duas mulheres: Daniela Carneiro, ex-Turismo, e Ana Moser, ex-Esporte; ambas substituídas por homens.

Proporções

Dos 25 secretários do governo de São Paulo, cinco são mulheres. Na Esplanada de Lula, entre os 38 ministros, seis são mulheres.

Poder sem Pudor

Reserva capilar

Ministro no primeiro governo Lula, Luiz Furlan (Desenvolvimento) apareceu na antessala do presidente, certa vez, e encontrou o então presidente da Infraero, José Carlos Pereira, coçando a calva avançada. E foi logo pilheriando: “E aí, perdendo os últimos fios de cabelo com a crise nos aeroportos?”. O brigadeiro parece não ter apreciado a piada: “Na verdade, ministro, eu estou perdendo só os penúltimos...”

Ranking triste

A colossal comitiva de Lula na COP-28 liderou o ranking das delegações: 1.337 fanfarrões do governo e 1.744 convidados de ONGs etc. A comitiva dos EUA, por exemplo, teve 159 pessoas do governo e 611 de fora.

Não ressonou

Deltan Dallagnol está em campanha para que o Senado rejeite o nome de Flávio Dino para ocupar uma cadeira no Supremo Tribunal Federal. Fez até vídeo listando 10 motivos. O primeiro: “é comunista”.

Taxas e cortes

Flávio Bolsonaro (PL-RJ) criticou a gastança de Lula e a condução da economia do País, “o petista tá taxando ricos e pobres, sem contar que não termos o 13º do Bolsa Família!”, alertou o senador.

Percalços

A tentativa de Flávio Dino de garantir a cadeira no STF pode não ser um passeio, como é de hábito no Senado. No PL, de oposição, a conta estima que faltam apenas nove votos para que a indicação seja barrada.

Frase do dia

“Esse é o desgoverno Lula, especialista em torrar dinheiro público”

Deputado federal Bibo Nunes (PL-RS) sobre o Brasil ter a maior delegação da COP-28

É problema?

Jair Bolsonaro criticou sua inelegibilidade por reunião com embaixadores estrangeiros, e deu uma indireta para Flávio Dino: “Se reunir com traficante pode. Faz lá no Rio de Janeiro, não tem problema nenhum”.

Pedra cantada

Será lido nesta quarta-feira (6), na Comissão de Constituição e Justiça do Senado, o relatório sobre a indicação de Flávio Dino ao STF. O relator é Weverton (PDT-MA), aliado de primeira hora e conterrâneo de Dino.

Ladeira abaixo

O Brasil vai de mal a pior em ranking internacional de alunos divulgado pela OCDE. A avaliação do rendimento em matemática colocou o Brasil na 64ª posição, entre os 81 países analisados.

Agenda

A Câmara instala hoje (6) à tarde a Frente Parlamentar em Defesa das Escolas Cívico-Militares. O evento deve contar com a presença de Jair Bolsonaro e do governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas.

Pergunta em Dubai

Precisa de 1.400 funcionários públicos para “conferir o clima”?

Reportar Erro