Mais Lidas

Obituário

Temer lamenta a morte de Domingo Alzugaray, fundador de 'IstoÉ'

Ele foi o primeiro a publicar capa com o sindicalista Lula

acessibilidade:

O editor Domingo Alzugaray, 84, fundador do Grupo de Comunicação Três, do qual a revista IstoÉ é o principal veículo, faleceu nesta segunda-feira (24) no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Seu filho Caco Alzogaray já o havia sucedido na direção das empresas. O presidente Michel Temer divulgou nota lamentando o falecimento e afirmando que "a imprensa e a democracia perdem um de seus baluartes."

Defensor intransigente da liberdade de expressão e da democracia, como definiu IstoÉ em seu site, Alzugaray foi um publisher como já não se faz, tão conectado com as melhores práticas de gestão quanto vinculado a compromissos com a sociedade, garantindo a pluralidade em suas publicações.

Foi a revista IstoÉ, por exemplo, ainda no regime militar, a que primeiro teve a coragem de publicar uma capa com a foto do então sindicalista Luiz Inácio da Silva, o Lula, e a abrir espaço de forma desassombrada para lideranças da sociedade que lutavam pelo restabelecimento da democracia no Brasil.

Alem de IstoÉ, Alzugaray criou também IstoÉ DinheiroDinheiro RuralIstoÉ GentePlanetaMenuMotor ShowStatus (a primeira revista masculina brasileira) e diversas outras publicações.

O velório será realizado nesta terça-feira 25, no crematório Horto da Paz, em Itapecerica da Serra (SP), a partir das 11h, com cerimônia de cremação às 14h.

Nota de Temer
Foi a seguinte a nota de pesar do presidente Michel Temer, divulgada esta noite:

"Com a morte de Domingo Alzugaray, a imprensa e a democracia perdem um de seus baluartes. Sua atuação foi marcante. Em todos os setores em que atuou, sempre ocupou posição de liderança. Nossas condolências a toda a família e aos seus colaboradores, que fizeram da Editora Três uma grande ferramenta para fortalecer a cultura brasileira."

Reportar Erro