Atrocidade confirmada

Relatório sobre uso de armas químicas na Síria na pauta da ONU

Peritos confirmaram uso contra civis em cinco dos sete locais investigados

acessibilidade:

O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, vai discutir o relatório sobre uso de armas químicas na Síria com membros da Assembleia Geral da ONU. A reunião deve acontecer ainda hoje (13), mas informações preliminares dão conta de que o relatório oficial confirma o uso de ?gás químico? em cinco dos sete locais analisados.

Na segunda-feira (16) será a vez do Conselho de Segurança da entidade analisar os resultados. De acordo com um informe divulgado sobre o ataque na região de Al Ghouta, “foi constatado o uso de gás em escala relativamente grande contra a população civil, incluindo crianças”.

Em outra menção, os peritos utilizam a expressão “bomba de sarin” para explicar o ataque feito por um avião em Khan al-Assal. Os outros locais onde a utilização foi confirmada pelo relatório são: Jobar, Saraqeb e Ashrafiat Sahnaya. Para as regiões de Bahhriyeh e Cheikh Maqsud, não foi possível reunir evidências confiáveis da utilização de armas químicas.