De saída

Reguffe não suporta subserviência ao governo e pede desfiliação do PDT

Parlamentar do DF sai do PDT e deve ficar um ano sem partido

acessibilidade:

O senador Reguffe (DF) cansou da subserviência do PDT ao governo da presidente Dilma Rousseff e pediu nesta quarta (17), de forma oficial, a desfiliação do partido. De acordo com nota divulgada pela assessoria, o parlamentar deve ficar "pelo menos por um ano sem partido" e o motivo da desfiliação é "a reiterada posição do PDT de apoio ao governo federal".

Para o parlamentar, os partidos deveriam servir ao debate de ideias e interesses da população se transformaram em "meros instrumentos de projetos de poder". Reguffe reiterou o compromisso com os eleitores e votar com a "consciência" e não por troca de favores. "Estou na política por um ideal, não é por cargos ou benesses", finalizou.

Reportar Erro