Mais Lidas

Não fica ninguém

PTB deixa o governo e garante 14 dos 19 votos pró-impeachment

Ministro Armando Monteiro ainda não decidiu se deixa o cargo

acessibilidade:

A bancada do PTB na Câmara decidiu após reunião nesta quarta (13) que vai apoiar o impeachment da presidente Dilma. De acordo com o líder em exercício do partido, Wilson Filho (PB), afirmou que a orientação de plenário será pelo voto sim. A decisão já era esperada depois do parecer favorável do deputado Jovair Arantes (GO), líder do partido que se afastou para relatar a admissibilidade do processo na comissão especial.

Com isso, a bancada com 19 deputados, 15 deles declaradamente favoráveis, deve votar em peso para tirar Dilma da Presidência da República. “O Brasil não tem mais como se reerguer com este governo. O PTB decidiu encaminhar o voto sim, até porque nós temos o deputado Jovair Arantes, e acompanha o relator”, disse Wilson Filho. Uma nova reunião, amanhã (14), deve decidir se o voto sim será apenas uma orientação ou se o partido vai "fechar questão" e votar de forma unânime.

O PTB comanda o ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), mas ainda não há notícias sobre um pedido de demissão do ministro Armando Monteiro, que é senador por Pernambuco.

Vídeos Relacionados