Ano novo, ministro novo

Dilma confirma reforma ministerial antes do fim do ano

Ela deu a entender que apoia candidaturas de Padilha e Pimentel

acessibilidade:

A presidenta Dilma reafirmou que não vai deixar para abril a reforma ministerial decorrente das eleições de 2014. Ela disse hoje (11) que as trocas serão realizadas antes no final do ano para começar 2014 com a equipe formada. ?Agora já dei a notícia?, disse em viagem ao Peru.

Os nomes mais cotados para deixarem a Esplanada são Alexandre Padilha (Saúde), para disputar o governo de São Paulo, e Fernando Pimentel (Desenvolvimento), para disputar o governo de Minas Gerais.

Reportar Erro