Mais Lidas

Segurança Pública

PMDF escancara crise institucional com Operação Tartaruga

GDF se reúne para acabar com Operação Tartaruga

acessibilidade:

outdoor-tartaruga-620Depois da escalada da violência no Distrito Federal, o governador Agnelo Queiroz (PT) tenta retomar as rédeas da segurança pública na capital federal. Creditam-se os altos números da violência à operação tartaruga deflagrada pela Polícia Militar do DF. O governador se reuniu hoje (31) com a alta cúpula da segurança, determinou que todo efetivo dos quartéis esteja nas ruas e, se necessário, vai demitir coronéis.

A operação tartaruga é duramente criticada pela população e, até o começo da semana, era negada pelo comando da PM. O secretário de Segurança Pública e pré-candidato a deputado federal, Sandro Avelar (PMDB), declarou que a radicalização do movimento acaba desgastando a imagem da corporação junto à sociedade.

A Ordem dos Advogados do Brasil do Distrito Federal (OAB/DF) quer acionar judicialmente o GDF pela insegurança na capital. A Ordem estuda medidas judiciais cabíveis, cíveis e criminais, a serem tomadas contra o governador e o secretário de Segurança Pública.

Reportar Erro