Mais Lidas

Planos para visita íntima

acessibilidade:

Durante almoço no Piantella, em Brasília, o dono do restaurante, Marco Aurélio, não parava de lamentar a condenação de um cliente ilustre, José Dirceu, no processo do mensalão, e a confirmação pelo próprio ex-ministro de que seria obrigado a cumprir quase dois anos de prisão em regime fechado. A todo momento, o chef Marco Aurélio olhava para Dirceu e lamentava: “Zé, eu não aguento ficar dois anos sem você…” Ouvindo as lamúrias ao lado do jornalista Pedro Rogério Moreira, o ex-senador Heráclito Fortes (DEM-PI) gozador incorrigível, interveio:

– Zé, vamos fazer o seguinte: quando você tiver direito a visita íntima, convoque o nosso Marco Aurélio!

E todos caíram na gargalhada. Inclusive Marco Aurélio, que aliás é espada.