Mais Lidas

Maquiagem oficial

Piauí: gastos com publicidade é 53% maior que em segurança

Foram R$ 8,1 milhões contra R$ 5,3 milhões no primeiro trimestre

acessibilidade:

O governo Wellington Dias (PT) no Piauí gastou 53% a mais com publicidade do que foi investido em segurança pública no primeiro trimestre deste ano. De acordo com levantamento do portal 180graus, a Secretaria de Segurança Pública, liderada por Fábio Abreu, empenhados R$ 5,3 milhões de janeiro a março de 2016, enquanto a Coordenadoria de Comunicação (CCOM), nas mãos de João Rodrigues, torrou R$ 8,1 milhões no mesmo período (veja detalhamentos abaixo).

Chama atenção que os gastos da Secretaria de Segurança se concentram em pagamentos por serviços essenciais como água, luz, telefone e limpeza, ao passo que a CCOM esbanja despesas com empresas de tamanhos variados para divulgar ações do governo petista.

Apesar do "esforço" da comunicação, Wellington Dias não consegue se descolar dos colegas de partido envolvidos em escândalos de corrupção e da baixíssima popularidade da quase ex-presidente Dilma Rousseff e a aprovação do governador segue abaixo de 50%.

Fábio Abreu já cogitou deixar o governo do Piauí para reassumir o cargo de deputado federal na Câmara. O principal motivo seria a incapacidade de mudar realidades vividas há tempos pelos piauienses como o pífio investimento em segurança de apenas R$ 0,05/dia por cidadão, além de terem a 12ª capital mais violenta do País.

Reportar Erro