Pela 1ª vez na história

Papa Francisco faz discurso no Congresso dos EUA

Na sessão estavam presentes várias autoridades norte-americanas

acessibilidade:

O pontífice foi bastante aplaudido quando entrou no Capitólio onde fez um discurso para os parlamentares norte-americanos. Essa é a primeira que um Papa discursa no Congresso dos EUA.

Estavam presentes o presidente do Senado, presidente da Câmara dos Representantes, Secretário de Estado, Secretário do decano do Corpo Diplomático e os responsáveis do Supremo Tribunal.

Ele começou sua oratória falando sobre o dever dos políticos de garantir a dignidade da população e da importância de estimular o crescimento e a dignidade de todos os membros da sociedade, “eles não estão somente pagando seus impostos, mas em seu próprio modo sustentam a vida em sociedade”.

Falou sobre os imigrantes e lembrou que ele é filho de imigrantes. Pediu vigilância contra todas as formas de fundamentalismo, “nenhuma religião é imune às diversas formas de aberração individual ou extremismo religioso”

Papa também ressaltou a importancia da defesa das famílias, dizendo que é preciso apoiar e encorajar a criação das famílias. Também falou sobre a importância de auxiliar os jovens, que de acordo com ele, se encontram perdidos. E foi muito aplaudido por suas palavras.Os temas sobre aborto, combate à mudança climática e ajuda para refugiados também fizeram parte da sua oratória.

Francisco lembrou do 120º aniversário do assassinato do ex-presidente Abraham Lincoln.Terminou seu discurso abençoando os EUA, "Deus abençoe a América". Nesse momentos todos se levantaram e aplaudiram o Papa.

Uma multidão aguardava o Papa Francisco na frente da Sede do Congresso. Francisco saudou a todos na sacada da sede e abençou as crianças e as famílias.

Reportar Erro