Mais Lidas

Toma lá, dá cá

Ministros-deputados do PMDB voltam aos cargos nesta terça-feira

Deputados demitidos para votar em Dilma voltam à Esplanada

acessibilidade:

Os ministros Celso Pansera (Ciência e Tecnologia) e Marcelo Castro (Saúde), ambos deputados eleitos pelo PMDB, e Patrus Ananias (Desenvolvimento Agrário), que também é deputado, retornam aos cargos nesta terça-feira (19), após deixarem suas cadeiras na Esplanada para tentar salvar o mandato da presidente Dilma, na votação do impeachment, ontem. Amanhã, o Diário Oficial da União publicará a recondução ao cargo dos três, que foram votos vencidos na sessão de ontem.

O único que não voltará ao cargo é Mauro Lopes (Aviação Civil), que também é deputado federal do PMDB. Ele votou contra Dilma, pelo impeachment da presidente, e não será reconduzido.

Pansera e Castros são considerados votos “caros”, já que ocupam dois cargos de enorme relevância no governo, mas não garantiram sequer 10 votos para Dilma. No PMDB, 59 deputados votaram a favor do impeachment e apenas 7 votaram contra, incluindo o “padrinho” dos ministros peemedebistas, Leonardo Picciani (RJ).

Reportar Erro