Grevistas

Manifestação dos professores complica trânsito em São Paulo

acessibilidade:

Mais uma tarde tumultuada para os paulistanos. Cerca de 5 mil professores da rede municipal de ensino ocupam o Viaduto do Chá e a rua Líbero Badaró, em frente à Prefeitura de São Paulo. Os educadores fazem nova assembleia para decidir se a categoria continua em greve ou não. Os profissionais estão com as atividades paradas desde o dia 23 de abril.

Os profissionais reivindicam a incorporação de um bônus complementar de 15,38% ao salário. Com ele, o salário inicial chegaria a R$ 3.000 para uma jornada de 40 horas semanais. Além disso, querem valorização profissional e melhorias nas condições de trabalho.

Reportar Erro