Ligeirinho alemão

Kroos ficou surpreso com sua “correria” na Fonte Nova

Meia alemão correu durante os 90 minutos e atingiu a marca de 11,7km

acessibilidade:

Thomas Müller monopolizou os holofotes na espetacular estreia da Alemanha na Copa do Mundo, mas outro jogador do Bayern de Munique, Toni Kroos, também deixou sua marca nos 4 a 0 sobre Portugal. O meia não fez nenhum gol, é verdade, mas deu duas assistências e passou o jogo todo distribuindo passes precisos e controlando o ritmo alemão. Além disso, correu muito durante os 90 minutos, mesmo no calor de Salvador.

Se alguém que assistiu à partida ficou surpreso com a “correria” de Kroos na Fonte Nova, saiba que não está sozinho. Com 11.701 metros percorridos, ele foi o jogador que mais correu entre os 28 que participaram da partida. Ele levou um susto ao saber desse resultado.

“Eu confesso que fiquei muito surpreso por ter conseguido correr tantos quilômetros”, comentou Kroos em entrevista coletiva concedida no fim da manhã desta quarta-feira, em Santa Cruz Cabrália, sul da Bahia, onde o time alemão está concentrado. “De uma forma geral, fiquei feliz com meu desempenho, mas ainda há espaço para melhorar.”

Aos 24 anos, Kroos disputa sua segunda Copa do Mundo, a primeira como titular. Ele confessou que estava bastante ansioso antes da estreia no torneio, mas disse que a experiência adquirida em muitos jogos decisivos pelo Bayern de Munique o ajudou a manter os nervos no lugar na partida contra Portugal.

“Eu estava muito ansioso antes do jogo, mas já tenho muitos jogos na carreira, então não deixo isso me atrapalhar”, comentou o jogador, que foi bastante elogiado pelos companheiros e pela comissão técnica por sua precisão nos passes. “O meu papel é exatamente colocar a bola no chão e dar bons passes para os demais jogadores, além de algumas assistências, se for possível. Não fiquei surpreso com o futebol que mostramos porque conheço a qualidade do time, estamos acostumados a esse tipo de jogo”, completou. AE

Reportar Erro