Cúpula do partido

Kátia Abreu reclama da falta de apoio do PMDB

Na reunião ministra deixou claro que "o meu líder é o líder"

acessibilidade:

A ministra da Agricultura, Kátia Abreu (PMDB), queixou-se na segunda-feira, 21, da falta de apoio por parte da cúpula de seu partido. O lamento correu durante a reunião realizada na casa do líder do partido no Senado, Eunício Oliveira (CE).

Neófita na sigla, Kátia aproximou-se da presidente Dilma Rousseff nos últimos meses e chegou a ser cotada para assumir a Casa Civil no lugar de Aloizio Mercadante (PT). A cúpula do partido desaprovou a ideia.

No fim de semana, lideranças do partido fizeram chegar ao Palácio do Planalto que não aceitariam a ministra da Agricultura como interlocutora do PMDB com o Executivo, especialmente em relação a assuntos relacionados à reforma ministerial.

Na reunião na casa de Eunício, Kátia fez questão de ressaltar que "não quer tomar o lugar de ninguém". "O meu líder é o líder", disse ela, indicando o senador Eunício Oliveira.(AE)

Reportar Erro