Protestos no Rio

Hackers invadem site e divulgam dados de 50 mil policiais militares

50 mil policiais militares do Rio tiveram seus dados pessoais divulgados

acessibilidade:

Hackers invadiram o banco de dados da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro e divulgaram informações pessoais de cerca de 50 mil profissionais que fazem parte do efetivo. Os dados, compilados em um arquivo de texto, foram disponibilizados para download em uma página no Facebook.

Nomes completos dos policiais, data de nascimento, RG, CPF, e-mail, Sistema de Gerenciamento Militar de Armas (SIGMA) e até a data em que o militar faltou ao serviço aparecem no arquivo.

Por motivo de segurança, a PM retirou o site da corporação do ar durante todo o sábado e diz que lamenta o ocorrido. A Polícia Civil também foi acionada para que cheguem aos responsáveis. A Secretaria de Segurança do Estado informou que não vai se pronunciar.