Mais Lidas

Fred queria Suárez na Copa

Fred achou punição imposta a Suárez severa demais

Atacante da Seleção diz que tempo inativo pode acabar com carreira do jogador

acessibilidade:

O atacante Fred emitiu nesta quinta-feira a sua opinião sobre a punição imposta ao atacante Luis Suárez pela mordida dada em Giorgio Chiellini durante a vitória por 1 a 0 do Uruguai sobre a Itália, pela fase de grupos da Copa do Mundo, e considerou a decisão severa demais. O jogador uruguaio está fora da competição, pois recebeu uma pena de nove jogos de suspensão, além de ter que ficar afastado dos gramados por quatro meses.

“Não tem como negar que ele errou. Como jogador, ser humano, compreendendo que dentro de campo o jogador está com os nervos à flor da pele, com a tensão da disputa pelos espaços. Por isso, enxergo a punição como severa demais”, disse Fred, em entrevista coletiva na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), onde a seleção brasileira se concentra durante a Copa.

O centroavante do Brasil admitiu, porém, que a sua opinião está longe de ser uma unanimidade. Para Fred, no entanto, Suárez merecia ainda disputar partidas da Copa. E ele destacou que a punição severa da Fifa pode, inclusive, atrapalhar a sequência da carreira do uruguaio, em razão do longo período que ele precisará ficar afastado do futebol.

“A maioria achou justa, mas não é esse o meu ponto de vista. Isso pode acabar com a vida do atleta. Estão todos caindo em cima do erro. Ele tem que ser punido, mas gostaria de vê-lo jogando nessa Copa no Brasil”, completou o atacante brasileiro.

A pesada pena imposta a Suárez impede um possível encontro entre Suárez e Fred, que poderia acontecer nas quartas de final da Copa, caso Uruguai e Brasil vençam, respectivamente, Colômbia e Chile, neste sábado, pelas oitavas de final da Copa.

Essa foi a terceira vez que Suárez mordeu um adversário, o que pode ter pesado na decisão tomada pela Fifa.

Horas depois de ter sido punido pela entidade, Suárez viajou para o seu país natal, de acordo com o presidente da Associação Uruguaia de Futebol (AUF), Wilmar Valdez, que confirmou a decisão de recorrer da punição.

Além de ser suspenso de nove jogos oficiais, Suárez também foi banido de qualquer atividade relacionada ao futebol pelos próximos quatro meses, não podendo sequer entrar em estádios, e ainda recebeu multa de 100 mil francos suíços (aproximadamente R$ 250 mil).

Por causa disso, Suárez está impedido de entrar nos estádios da Copa e não pode ir nem mesmo na concentração do Uruguai. Ele teve, inclusive, a sua credencial confiscada pela Fifa, depois que a entidade anunciou a punição mais dura de sua história em um Mundial. (Leandro Silveira/Agência Estado)