Mais Lidas

"É inconcebível"

Francischini pede revogação de título de cidadão honorário de José Dirceu

Dirceu está preso no início do mês por envolvimento no Petrolão

acessibilidade:

O deputado estadual do Paraná, Felipe Francischini (SD), pediu nesta quarta-feira, 19, a revogação do título de cidadão honorário do Estado do Paraná concedido ao ex-ministro José Dirceu em 2003. Dirceu está preso no início do mês sob acusação de envolvimento no esquema de corrupção na Petrobras, desbaratado pela Operação Lava Jato. O ex-ministro cumpre a pena em Curitiba.

A honraria concedida ao petista estava prevista numa lei apresentada pela bancada do PT em 2003 e contou com o apoio do então deputado André Vargas – que também foi preso no âmbito da Lava Jato, em abril deste ano.

"É inconcebível que o Dirceu seja considerado cidadão honorário do Paraná. Ele nada tem de honorário. É apenas um corrupto já condenado que está sendo novamente investigado por ter participado da roubalheira na Petrobras", disse o parlamentar paranaense, ao citar também a primeira vez em que Dirceu foi preso, depois de ser condenado no processo do mensalão. Atualmente, o ex-ministro também cumpre pena referente àquela ação penal em regime domiciliar.

"Do que adianta a gente apresentar um título a alguém se um criminoso preso tem essa honraria? Precisamos restaurar a credibilidade do instrumento".