Mais Lidas

CPIs sem PT

CPIs se concentram em denúncias contra Dilma

Ordem para novas CPIs é se concentrar nos escândalos do governo

acessibilidade:

A partilha do comando das três novas comissões parlamentares de inquérito (Fundos de Pensão, BNDES e Crimes Cibernéticos) foi conduzida pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha, sob duas condições: presidentes das CPIs devem se concentrar em denúncias contra o governo Dilma e não devem ser criadas subrelatorias. O DEM, por exemplo, ganhou a presidência da CPI dos Fundos de Pensão, mas com a condição de indicar Sérgio Souza (PMDB-PR) como relator.

Os presidentes das CPIs são eleitos. Os oposicionistas terão apoio do PMDB, mas terão que indicar os relatores determinados por Cunha.

Cunha pretende, com o veto às subrelatorias, isolar definitivamente o PT de qualquer participação em postos de comando nas novas CPIs.

Os tucanos ficarão com a comissão de inquérito destinada a crimes cibernéticos, mas também com a promessa de não criar subrelatorias. Leia mais na Coluna Cláudio Humberto

Vídeos Relacionados