Mais Lidas

CPI da JBS

CPI da JBS começa ouvindo staff de Janot na PGR

Relator da CPI, Carlos Marun acha que Janot será o 4º a depor

acessibilidade:

O ex-procurador-geral Rodrigo Janot será dos primeiros convocados a depor na CPI da JBS, segundo prevê o relator da comissão, deputado Carlos Marun (PMDB-MS). Antes dele, outros ex-integrantes do seu staff na PGR serão chamados pela CPI: o ex-procurador Marcelo Miller, ex-braço direito de Janot e o ex-chefe de gabinete Eduardo Pelella, citados nos áudios reveladores de Joesley Batista e Ricardo Saud. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O procurador Ângelo Goulart Villela, que ficou preso por 76 dias por suspeita de receber dinheiro da JBS, também vai depor antes de Janot.

Carlos Marun tem clareza de que a CPI pretende passar a limpo as circunstâncias do acordo de delação premiadíssima de Joesley & cia.

A CPI também quer saber, diz Marun, por que Joesley e Saud citam Miller e Pellela nos áudios como se conhecessem a rotina na PGR.

A CPI pretende que Ângelo Villela aprofunde sua afirmação à Folha de suposto plano para derrubar Temer e impedir Raquel Dodge na PGR.