Crianças desaparecidas

CFM lança ferramenta para cadastrá-las

O site vai permitira inserção de informações e fotos

acessibilidade:

O Conselho Federal de Medicina vai apresentar nesta sexta-feira (18) uma ferramenta que poderá auxiliar na buscar por crianças desaparecidas. Trata-se de um hotsite, que se chamará “Médicos em resgate de crianças desaparecidas” e permitirá o cadastramento e a busca dessas crianças. A ideia beneficiará também diversos países latino-americanos e de língua portuguesa.

O site vai permitira inserção de informações e fotos, para compor banco de dados sobre o tema. Segundo o Conselho, o médico será o público alvo do novo produto. “Em algum momento, toda criança passa pela avaliação de um desses profissionais”, justificou o órgão. “No entanto, qualquer pessoa poderá utilizar o serviço disponível de graça na internet”, concluiu.