Mais Lidas

Crise em Portugal

Portugal: Bolsa é congelada após queda história de 17% de banco

Principal banco português cai 16% e atinge baixa histórica na Bolsa

acessibilidade:

banco espirito santo

O Espírito Santo Financial Group (ESFG), controlador do Banco Espírito Santo (BES), principal banco privado português, anunciou a suspensão da compra e venda de ações na Bolsa de Valores devido a ?dificuldades materiais encontradas no seu maior acionista?, a Espírito Santo International (ESI) ? que controla 25% do banco.

As ações do Espírito Santo chegaram a cair mais de 16% nesta quinta-feira (10), após uma série de notícias sobre um possível pedido de ?insolvência?, a quase falência, do banco português. Isso poderia possibilitar um plano de reestruturação do Grupo Espírito Santo, que poderia causar até com a saída da família Espírito Santo da gestão do grupo.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) já se pronunciou sobre o caso, que atingiu todo o mercado europeu, e disse que há casos no sistema bancário lusitano que precisam de ?medidas corretivas? imediatas e outros que necessitarão de uma ?supervisão intrusiva?. O FMI, no entanto, disse também que Portugal ?foi capaz de enfrentar a crise? sem interrupções significativas, ajudado pelo apoio público e ?medidas extraordinárias? do Banco Central Europeu.

Ontem (9) a Coluna Cláudio Humberto revelou que alguns bancos portugueses foram oferecidos a um pequeno grupo de bancos brasileiros, como saída para enfrentar a grave crise do sistema bancário.

Vídeos Relacionados