Mais Lidas

Não quer ser ministro

Aécio afirmou que PSDB indicará Antonio Anastasia para a vice-presidência da CCJ

Tucano pediu celeridade nas indicações dos partidos para as comissões

acessibilidade:

O presidente do PSDB, senador Aécio Neves, afirmou nesta terça-feira, 7, que a legenda indicou Antonio Anastasia (MG) para a vice-presidência da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Anastasia foi o relator da comissão especial do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, no ano passado.

Segundo Aécio, Anastasia já adiantou ao partido que não tem interesse no cargo de ministro da Justiça, como havia sido considerado pelo Palácio do Planalto. A vaga está aberta desde a nomeação do ministro licenciado Alexandre de Moraes para o Supremo Tribunal Federal (STF).

"Acho muito delicado falar sobre indicações para ministérios, pois a decisão cabe à presidência, mas Anastasia não tem se mostrado disposto a se distanciar das suas atividades no Senado. Ele me disse ontem que prefere continuar no Senado", declarou o tucano.

Aécio pediu celeridade nas indicações dos partidos para as comissões. Há um impasse no PMDB para definir a presidência da CCJ. Somente após essa definição terá início a contagem de prazo para a sabatina de Moraes na Casa. "Queremos finalizar as indicações hoje para que a sabatina ocorra por volta do dia 22."

Moraes, que era filiado ao PSDB, enviou mais cedo o seu pedido de desligamento do partido. "Posso dizer que a partir de hoje Moraes é um ex-tucano", confirmou Aécio. Ele defendeu que ministros do Supremo podem, e até devem, ter militância partidária antes de assumirem o cargo.(AE)