Mais Lidas

E agora toninho

Presidente da CNC é investigado por obra inútil de R$ 200 milhões

Ministério Público do Rio investiga obra ordenada pelo 'dono' da CNC

acessibilidade:

O Ministério Público do Rio de Janeiro abriu inquérito para investigar gestão do presidente da Confederação Nacional do Comércio (CNC), Antonio Oliveira Santos. Ele e Luiz Gil Siuffo Pereira, diretor do Sesc, são responsabilizados pelos gastos suspeitos de R$ 200 milhões em obra na Barra da Tijuca que nem tem condições de uso. Também o Tribunal de Contas da União apontou graves anomalias na operação. Leia na coluna Claudio Humberto.