Visita oficial

visita

Diplomatas continuam empenhados na construção da agenda da visita oficial
11/02/2019

Alheio à cirurgia, governo prepara visita de Bolsonaro a Trump

Visita oficial

Alheio à cirurgia, governo prepara visita de Bolsonaro a Trump

Diplomatas continuam empenhados na construção da agenda da visita oficial

Sem orientação em contrário, diplomatas brasileiros continuam empenhados na construção da agenda da visita oficial do presidente Jair Bolsonaro aos Estados Unidos, nos dias 18, 19 e 20 de março, a convite do presidente Donald Trump. Isso indica que, apesar da apreensão causada na recuperação de Bolsonaro, o Planalto conta com o seu retorno ao trabalho no prazo estimado antes da sua nova cirurgia. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder. Além de encontro para fotos diante da lareira, os dois presidentes terão reunião de trabalho na Casa Branca. A visita de Bolsonaro está restrita a Washington, mas há possibilidade de evento em Nova York com empresários brasileiros e americanos. Após a visita a Washington, Bolsonaro fará um pit-stop em Brasília e segue para outra viagem: visitará Santiago nos dias 22 e 23 de março.
02/02/2019

Governador do Distrito Federal marca presença em sessão do Senado

Votação para Presidência

Governador do Distrito Federal marca presença em sessão do Senado

Ibaneis Rocha esteve no plenário do Senado para acompanhar o início da sessão que vai eleger o novo presidente da Casa

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, esteve no plenário do Senado no final da manhã deste sábado, 2, para acompanhar o início da sessão que vai eleger o novo presidente da Casa pelos próximos dois anos. “Quis vir aqui para mostrar que Brasília está acompanhando atentamente este momento, tão importante para o Brasil e também para a nossa cidade”, comentou Ibaneis. O governador também fez questão de cumprimentar os senadores da bancada do DF, para dar as boas-vindas e desejar um bom trabalho neste início do ano legislativo. “Vim cumprimentá-los e a todos os demais senadores. Teremos um ano importante pela frente”, afirmou, antes de deixar o plenário. O governador ficou duas horas no Senado Federal. O DF tem um candidato à Presidência do Senado: o senador Reguffe (Sem Partido-DF). No entanto, ele não deve sair vitorioso desta disputa.
24/01/2019

Presidente Bolsonaro vai realizar visita oficial aos Estados Unidos em março

Relações próximas

Presidente Bolsonaro vai realizar visita oficial aos Estados Unidos em março

A última visita de um presidente brasileiro aos EUA foi em 2015

O presidente Jair Bolsonaro vai realizar uma visita oficial aos Estados Unidos, em março deste ano. Os detalhes sobre a viagem ainda vão ser acertados, mas a visita já foi confirmada a autoridades do Departamento de Estado norte-americano, como apurou o Diário do Poder. Bolsonaro tem se aproximado do governo dos EUA desde a eleição, quando elogiava algumas medidas da administração Donald Trump. O Secretario de Estado dos EUA, Mike Pompeo, esteve na posse do brasileiro. Após a visita do secretário, no dia 2 de janeiro, o presidente chegou a dizer que “Brasil e EUA deixaram de ser inimigos” após assumir o cargo. Seu filho Eduardo Bolsonaro também fez visita a Washington após as eleições para estreitar o relacionamento entre os dois países. É uma tradição de presidentes brasileiros realizar uma visita oficial aos EUA, que é um dos principais parceiros comerciais do Brasil. Fernando Henrique Cardoso visitou Bill Clinton, então presidente dos EUA, em abril de 1995 e voltou ao país outras sete vezes. Lula realizou uma visita em 2002, após ser eleito presidente, mas antes mesmo de tomar posse. Nos seus mandatos, visitou os EUA 12 vezes. Dilma foi quem menos prestigiou os Estados Unidos, mas fez duas visitas oficiais a Barack Obama antes do escândalo de espionagem dos EUA, que culminou com o cancelamento da terceira visita oficial, em 2013.
17/01/2019

Comitiva interministerial está em Roraima para ver situação de imigrantes

Avaliação

Comitiva interministerial está em Roraima para ver situação de imigrantes

Essa é primeira visita oficial interministerial do ano, na gestão do governo Bolsonaro

A Comitiva interministerial do Governo Federal está em Roraima para verificar a ações que estão sendo realizadas no Estado no acolhimento dos refugiados venezuelanos e os reflexos da crise migratória na economia local. O grupo é formado pelos ministros da Defesa, General Fernando Azevedo; da Educação, Ricardo Vélez Rodrigues; da Cidadania, Osmar Terra; e da Controladoria-Geral da União (CGU), Wagner de Campos Rosário, além de autoridades militares e civis. Essa é primeira visita oficial interministerial do ano, na gestão do governo Bolsonaro, com objetivo de analisar as ações desenvolvidas com os refugiados venezuelanos atendidos pela Operação Acolhida. Serão avaliadas também demandas sobre a crise econômica no Estado, que atinge em especial a educação, saúde e segurança pública. A comitiva visitou às instalações da Operação Acolhida, em Boa Vista como Posto de Triagem, Rodoviária e Rondon 3. Às 17h, os ministros iniciaram uma reunião com o governador de Roraima, Antonio Denarium, onde serão apresentados dados sobre a atual situação do Estado. Na sexta-feira, 18, os ministros vão à Pacaraima para conhecer as ações desenvolvidas pela Força-Tarefa Logística Humanitária, na fronteira com a Venezuela.