Corrupção no Futebol

Fifa

Cartola foi considerado culpado por esquema de propinas entre 2012 a 2015
15/04/2019

José Maria Marin é banido do futebol e pagará multa de R$ 3,8 milhões

Corrupção no Futebol

José Maria Marin é banido do futebol e pagará multa de R$ 3,8 milhões

Cartola foi considerado culpado por esquema de propinas entre 2012 a 2015

O Comitê de Ética da Federação Internacional de Futebol (Fifa) considerou o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), José Maria Marin, culpado por recebimento de propina. Com isso, ele foi banido de qualquer atividade relacionada ao futebol pelo resto de sua vida. Marin está preso nos Estados Unidos desde 2017. Fifa também impôs uma multa de 1 milhão de francos suíços (cerca de R$ 3,2 milhões). Segundo a Fifa, Marin, ex-governador de São Paulo de 1982 a 1983,  foi notificado hoje (15), data a partir da qual começam a valer as sanções. Segundo a federação, Marin se envolveu em diversos esquemas de pagamento de propina de 2012 a 2015, em relação a contratos com empresas de mídia e marketing de direitos de transmissão de eventos esportivos da CBF, da Confederação Sul-Americana (Conmebol) e da Confederação das Américas Central, do Norte e Caribe (Concacaf). Outro ex-presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, já tinha recebido as mesmas punições em abril de 2018, pelas mesmas irregularidades. (ABr)
19/03/2019

Brasil quer sediar Copa do Mundo de futebol feminino em 2023

Fifa

Brasil quer sediar Copa do Mundo de futebol feminino em 2023

Próxima competição será realizada neste ano na França

O Brasil foi um dos dez países que expressaram interesse em sediar a Copa do Mundo feminina da Fifa (Federação Internacional de Futebol) em 2023. Além do país, também estão interessados em receber a competição três sul-americanos (Argentina, Bolívia e Colômbia). As Coreias do Sul e do Norte informaram à Fifa que pretendem concorrer com uma candidatura conjunta. Além deles, formalizaram interesse em concorrer o Japão, a Austrália, a Nova Zelândia e África do Sul. Segundo a Fifa, esse é o maior número de países a formalizar interesse em sediar uma Copa do Mundo feminina desde a primeira edição do evento, em 1991. As confederações nacionais terão agora que registrar suas candidaturas até 16 de abril deste ano. O anúncio do país-sede deve ser feito em março do ano que vem. Entre os possíveis candidatos, nenhum sediou uma Copa do Mundo feminina. A próxima competição será realizada de 7 de junho a 7 de julho deste ano, na França. O Brasil está no grupo C do campeonato, junto com Austrália, Itália e Jamaica. A seleção brasileira estreia no dia 9 de junho contra a Jamaica. (ABr)
14/07/2018

Bélgica vence Inglaterra por 2×0 e conquista terceira colocação na Copa

Superação na Rússia

Bélgica vence Inglaterra por 2×0 e conquista terceira colocação na Copa

Seleção belga teve sua melhor participação em copas do mundo, na Rússia

A Bélgica venceu a Inglaterra por 2 a 0 neste sábado (14), em São Petersburgo, e ficou com o terceiro lugar na Copa do Mundo da Rússia. É a melhor colocação dos belgas na história dos Mundiais. Veja os melhores momentos no vídeo abaixo. O melhor desempenho da equipe havia sido o quarto lugar em 1986, no México. Depois de cair para a Argentina na semifinal, perdeu para a França na disputa de terceiro e quarto. Meunier abriu o placar para a Bélgica na primeira etapa e se tornou o décimo jogador a marcar pela seleção nesta Copa, igualando o recorde de goleadores diferentes registrado pela França em 1982 e da Itália em 2006. Eden Hazard fechou a vitória já no fim do segundo tempo. O camisa 10 marcou três gols e deu quatro assistências na Rússia. A disputa entre Romelu Lukaku e Harry Kane pela artilharia do Mundial viu o inglês se manter no topo, mesmo sem marcarem gols no jogo deste sábado. Kane encerra sua participação na Rússia com seis gols, enquanto o centroavante belga termina com quatro. A Inglaterra venceu somente um dos últimos 21 jogos de Copa em que saiu atrás do placar. A última vez que havia conseguido virar uma partida depois de sofrer o primeiro gol foi na decisão de 1966, contra a Alemanha, na qual venceu por 4 a 2 e ficou com o título. Informações sobra a partida: Local: estádio Krestovsky, em São Petersburgo Juiz: Alireza Faghani (Irã) Gols: Meunier, aos 3min do 1º tempo, e Hazard, aos 36min do 2º tempo Cartões amarelos: Witsel (BEL); Stones e Maguire (ING) BÉLGICA Courtois; Meunier, Alderweireld, Kompany, Vertonghen e Chadli (Vermaelen); Tielemans (Dembélé), Witsel e Hazard; De Bruyne e Lukaku (Mertens). T.: Roberto Martínez INGLATERRA Pickford; Trippier, Jones, Stones, Maguire e Rose (Lingard); Loftus-Cheek (Alli), Dier e Delph; Sterling (Rashford) e Kane. T.: Gareth Southgate (Com informações da Folhapress)
28/06/2018

Tunísia vence a seleção do Panamá de virada

Copa do Mundo

Tunísia vence a seleção do Panamá de virada

Seleção só havia vencido uma vez, em 1978, contra o México

Depois de 40 anos, a Tunísia voltou a vencer em uma Copa do Mundo. No outro jogo do Grupo G, os africanos saíram atrás no placar. Rodríguez chutou a gol, a bola desviou em Meriah e enganou o goleiro. A Tunísia foi atrás e buscou a vitória com gols de Ben Youssef e Khaz. Foi um jogo mais disputado e mais interessante do que a partida entre as seleções já classificadas (Bélgica e Inglaterra). O Panamá e a Tunísia entraram em campo em busca de vitórias históricas para seus países. Os panamenhos estiveram perto de vencer seu primeiro jogo em uma Copa do Mundo, mas quem conquistou a meta pessoal foi a Tunísia, que obteve a primeira vitória do país em um Mundial após 40 anos. A Tunísia só havia vencido uma vez, na Copa de 1978, contra o México.(ABr)