Desastre em Mariana

corpo

Esta é uma das 2 vítimas que ainda estavam desaparecidas
09/03/2016

Caminhão escondia 18º corpo após lama da Samarco

Desastre em Mariana

Caminhão escondia 18º corpo após lama da Samarco

Esta é uma das 2 vítimas que ainda estavam desaparecidas

Os bombeiros localizaram nesta quarta-feira, 9, na área da barragem de Fundão, da empresa Samarco, em Mariana, o corpo de um dos dois desaparecidos no rompimento da represa da mineradora em 5 de novembro do ano passado. Segundo a corporação, a vítima estava dentro de uma cabine de caminhão. A Polícia Civil foi ao local no início da tarde desta quarta-feira para realizar perícia.  Os desaparecidos da tragédia são Aílton Martins dos Santos, de 55 anos, funcionário da Integral Engenharia, e Edmirson José Pessoa, de 48, que trabalhava na Samarco. Com a localização do corpo, estão confirmadas 18 mortes na queda da represa, que também destruiu o distrito de Bento Rodrigues, onde viviam cerca de 600 pessoas. Segundo os bombeiros, o corpo foi localizado após escavações das equipes de buscas. (AE)
29/02/2016

Corpo é encontrado na praia de Ponta Verde

Afogamento

Corpo é encontrado na praia de Ponta Verde

Na madrugada de hoje um corpo foi achado na Ponta Verde

Na madrugada desta segunda-feira, 29, populares encontraram um corpo não identificado na praia de Ponta Verde, em Maceió. A suspeita é que se trata do paulista Adeilton Gomes da Silva, de 22 anos, que se afogou no local no domingo, 28. Os Bombeiros foram até o local no início da manhã e acionaram o Instituto Médico Legal (IML) que recolheu o corpo e levou apra sua sede onde aguarda a família para identificação. Adeilton chegou em Maceió a passeio com a família. Como grande parte dos turistas que visitam a capital, ele foi à praia com a família, quando foi surpreendido pela alta da Maré e não conseguiu retornar à faixa de areia. Seu pai, Atônio Gomes da Silva e o i seu irmão mais novo conseguiram sair com a ajuda de banhistas. Os bombeiros fizeram buscar no domingo mas não conseguiram encontrar o corpo do jovem.
25/07/2014

Polícia já escavou 3 metros e não encontrou corpo

Caso Eliza Samudio

Polícia já escavou 3 metros e não encontrou corpo

Até agora a Polícia só encontrou um objeto irrelevante

O primo do goleiro Bruno, Jorge Luiz Sales, um dos apontados como culpado pelo sumiço de Eliza Samudio, está acompanhando nesta sexta-feira (24) a escavação da Polícia Civil, que tenta encontrar o corpo da ex-amante do goleiro. Ele deixou a cadeia acompanhado pelo advogado Nélio Andrade e por um comboio da polícia. Ontem (23), ele apontou o local onde estaria a modelo: próximo ao Aeroporto de Confins, em Belo Horizonte, Minas Gerais. Agora, debaixo de muita chuva, a Polícia Civil escava um lote vago, no bairro Santa Clara, em Vespasiano, na Região Metropolitana de BH, onde podem estar os restos mortais de Eliza Samudio, desaparecida desde 2010. A delegada Alessandra Wilke, que cuida do caso, também está acompanhando as escavações. A polícia já cavou um buraco de 3 metros de profundidade, mas só encontrou um objeto irrelevante: uma luva.
20/07/2014

Corpo de Rubem Alves será cremado em Guarulhos

Grande perda

Corpo de Rubem Alves será cremado em Guarulhos

Corpo de Rubem Alves passará pelo Crematório Metropolitano Primaveras

O corpo do escritor e educador Rubem Alves será cremado hoje (20) à tarde, no Crematório Metropolitano Primaveras, em Guarulhos, na Grande São Paulo. Ele morreu às 11h50 de ontem (19) após nove dias internado com um quadro de pneumonia. O corpo foi velado no plenário da Câmara Municipal de Campinas, no interior paulista, cidade onde o  escritor mineiro morava. A cerimônia da cremação será restrita à família e as cinzas deverão ser espalhadas sob um ipê amarelo, para atender a um desejo do escritor, segundo anunciou um amigo dele, Carlos Brandão, durante o velório. Rubem alves completaria 81 anos no dia 15 de setembro. Eles nasceu na cidade de Boa Esperança, no sul de Minas Gerais, e vivia há 42 anos em Campinas, onde mantinha um instituto para promover a inserção social por meio da educação. O Instituto Rubem Alves também dá assistência a educadores. Além de escritor e pedagogo, Rubem Alves era poeta, filósofo, cronista, contador de histórias, ensaísta, teólogo, psicanalista e acadêmico. É considerado uma das principais referências no pensamento sobre educação e tem uma bibliografia que conta com mais de 160 títulos distribuídos em 12 países. (Agência Brasil)