Mais Lidas

Gastos com pessoal

Número de servidores municipais cresce 175% em duas décadas

Entre 1995 e 2016, total de funcionários nas cidades brasileiras saltou de 2,4 milhões para 6,5 milhões

acessibilidade:

O número de servidores municipais registrou um crescimento de 175% em duas décadas, de acordo com dados do Atlas do Estado Brasileiro, divulgados nesta terça (18) pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada).

Entre 1995 e 2016, o total de funcionários nas cidades brasileiras saltou de 2,4 milhões para 6,5 milhões. Já nas três esferas de Poder o crescimento foi de 60% — passou de 7,5 milhões para 12 milhões no período analisado.

O número de servidores federais, com vínculos civis e militares, passou de 950 mil, em 1995, para 1,2 milhão, em 2016 –alta de 25%. Nos estados, o total de funcionários evoluiu 28%, passando de 2,9 milhões para 3,7 milhões no período.

O levantamento aponta ainda que metade das cidades brasileiras tem prejudicado o pagamento de fornecedores por manter em dia o salário dos funcionários públicos.

O estudo mostra que mais da metade dos servidores estão nos municípios. Segundo especialistas, o resultado é motivado pela muncipalização de serviços públicos, que ocorre desde os anos 1970.

“Principalmente após a Constituição de 1988, sobretudo os serviços de saúde, educação e assistência social começaram a se ampliar nos governos locais”, apontam os técnicos do Ipea.

Outro motivo destacado pelo estudo é a proliferação de municípios no Brasil. “Colaborou para esta expansão também o crescimento do número de municípios do país; de 1985 a 2003 foram criados 1.456 novos municípios, o que representa expansão de 35%.” (Com informações da FolhaPress)

Reportar Erro