Mais Lidas

Fim das atravessadoras

ANP estuda finalmente acabar com o monopólio de atravessadores

Anúncio foi feito ontem pelo diretor-geral da agência reguladora, Décio Oddone

acessibilidade:
Obediente aos interesses dos atravessadores, ANP inventou mais uma “consulta pública” para protelar venda direta

Ao anunciar novas medidas regulatórias para o mercado de gás, ontem, no Palácio do Planalto, o diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo (ANP), Décio Oddone, informou que a agência também estuda finalmente permitir a venda direta de produtores de combustíveis para postos de gasolina. Hoje qualquer produtor é obrigado a vender seu estoque a uma distribuidora, que funciona na prática como atravessador, o que só faz aumentar os custos para o consumidor final. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O anúncio foi na cerimônia que contou com a presença do presidente Bolsonaro, do ministro de Minas e Energia e do presidente do Cade.

O Cade, órgão que combate cartéis no Brasil, recomendou no ano passado a revogação da resolução da ANP que proíbe a venda direta.

Décio Oddone disse ontem que a ANP é a única agência obrigada a fiscalizar contratos privados; entre os postos e os atravessadores.

Vídeos Relacionados