Mais Lidas

Cheguei

acessibilidade:

Eis 2022 com ares de muita esperança e renovação no espírito, nas causas e propondo uma conjuntura de positivismo em todo o mundo.

No Brasil , ano eleitoral. Deverá ser o mais acirrado dos últimos tempos dada polarização das candidaturas que despontam nos primeiros lugares em recentes pesquisas. Deverá ser um brado retumbante de discussões daqui e dali.

Com pandemia e gripe, força na busca da cura através das vacinas. Na economia, esperanças de muitas conquistas através da força do agronegócio, onde teremos muitas novidades em muitos estados no segmento de frigoríficos.

Cito exemplo do Grupo Friesp, genuinamente raiz mineira, oportunizando mais de 5 mil empregos já no primeiro semestre do ano. É uma realidade muito otimista.

Não podemos nos esquecer dos cuidados com a saúde. Não virar nossas costas para os recentes acontecimentos e focar em novas oportunidades que o mercado tende oferecer.

O ano será de reflexão.

A política vai precisar dar lugar ao abraço entre todos, sem menosprezar lado ou outro. Agressividade precisa ir para estante. Eleição é eleição.

Na hora necessária , discursos vão tomar seus lugares devidos.

Agora, união, paz e fraternidade. Olhar para o próximo pensando no melhor para ele. A vida vai seguir como se o amanhã estivesse sempre na palma da mão. Feliz Ano Novo!

Joao Carlos Silva é articulista e consultor.