Lucro x PIB

Lucro da Petrobras, de R$6,6 bilhões em três meses, abortou o crescimento do País

Estatal criou reajustes diários para fabricar seu lucro bilionário

Lucro da Petrobras, de R$6,6 bilhões em três meses, abortou o crescimento do País

Política de preços que levou ao lucro da Petrobras provocou greve e cortou PIB (Foto: Douglas Magno)

O lucro da Petrobras no terceiro trimestre, de R$6,6 bilhões, foi fabricado pela política malandra adotada na gestão do ex-presidente Pedro Parente de reajuste diário nos combustíveis. Muitos consideram essa política criminosa por asfixiar a economia como um torniquete. Os caminhoneiros não suportaram os custos siderais (estavam pagando para trabalhar), e 207 reajustes depois, eles eclodiram a greve de maio, que abortou o crescimento previsto de 3,5% para o Brasil, em 2018. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

A Petrobras alegou “variação dos preços internacionais” para justificar os aumentos diários, mas o lucro de R$6,6 bilhões desmonta a lorota.

O faturamento da Petrobras subiu em flecha, ao contrário dos supostos custos da “variação de preços internacionais” dos combustíveis.

Protegida pelo monopólio, sem concorrência, e determinando os preços que deseja, qualquer vendedor de picolé tiraria a Petrobras do buraco.

Redação
Redação
| Atualizado