Mais Lidas

Arena das Dunas

Senador José Agripino é acusado de receber R$ 1 milhão em propina

MPF entrou com ação de improbidade contra o parlamentar e o ex-presidente da OAS

acessibilidade:
Senador é denunciado pelo MPF por improbidade administrativa. (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr)

O Ministério Público Federal do Rio Grande do Norte entrou com ação de improbidade administrativa contra o senador José Agripino Maia (DEM) pelo recebimento de quase R$ 1 milhão em propina em troca de apoio político à empreiteira OAS, responsável pela construção do estádio Arena das Dunas. Ex-presidente da construtora, José Aldemário Pinheiro Filho, o “Leo Pinheiro” também é alvo da ação.

Por esse mesmo caso, o senador já é réu no Supremo Tribunal Federal, onde foi denunciado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

De acordo com informações do MPF, entre 2012 e 2014, Agripino recebeu R$ 654.224 por meio de depósitos fracionados em sua conta e pelo menos outros R$ 250 mil disfarçados em “doações eleitorais” ao Diretório Nacional do DEM, presidido por ele.

Os oito procuradores que assinam a ação pedem o bloqueio de R$ 904.224,00 de José Agripino, perda da função pública desempenhada e suspensão dos direitos políticos de até dez anos.