Nova diretoria

Antônio César Bochenek toma posse na presidência da Ajufe

Solenidade de posse será realizada na próxima quarta-feira (4), em Brasília, e contará com a presença de ministros e autoridades dos três Poderes da República

acessibilidade:

Antônio César Bochenek, novo presidente eleito da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), tomará posse, junto aos demais integrantes da diretoria, na próxima quarta-feira (4), a partir das 19h30, no Clube Naval, em Brasília. A solenidade contará com a participação de ministros de Tribunais Superiores, parlamentares e autoridades do Poder Executivo, além de dirigentes de associações de magistrados e de procuradores.

O juiz federal Antônio César Bochenek foi eleito presidente da Ajufe em 11 de abril para o biênio 2014/2016, com 57% dos votos válidos. O magistrado encabeçou a chapa ?Avançar na Luta?, apoiada pelo atual presidente da entidade, Nino Toldo. Após o fim de seu mandato à frente da instituição, Toldo irá ocupar a cadeira de desembargador federal na 1ª Turma do TRF-3.

Sobre os desafios à frente da associação, Bochenek destaca em seu programa de gestão o aprimoramento da Justiça Federal e do Poder Judiciário, especialmente com a nova Lei de Organização da Justiça Federal (LOJF), com a estruturação das Turmas Recursais, além da criação e ampliação dos Tribunais Regionais Federais.

Junto com Bochenek foram eleitos os vice-presidentes Candice Lavocat Galvão Jobim (1ª Região); Eduardo Brandão de Brito Fernandes (2ª Região); Fernando Marcelo Mendes (3ª Região); Rodrigo Machado Coutinho (4ª Região) e André Luís Maia Tobas Granja (5ª Região). O secretário-geral da Ajufe será o juiz federal Roberto Carvalho Veloso, do Maranhão.

Perfil

Antônio César Bochenek é juiz federal desde janeiro de 2000. Atuou em Curitiba, Foz do Iguaçu e Ponta Grossa. Bacharel em Direito pela Universidade Estadual de Ponta Grossa, fez mestrado pela PUC do Paraná Fez e doutorado em Direito, Justiça e Cidadania no século XIX pela Universidade de Coimbra.

Foi presidente da Associação Paranaense dos Juízes Federais (Apajufe) no biênio 2012/2014. É professor da Escola da Magistratura Federal do Paraná e coordenador do Grupo de Pesquisas em Direito do Cescage. Também é diretor do Instituto Brasileiro de Administração da Justiça (Ibrajus).

Reportar Erro