Mais Lidas

Risco químico

Uma pessoa morre e outras oito ficam feridas em explosão na Espanha

O incêndio na região petroquímica na cidade de Tarragona gerou alerta de emergêcia química

acessibilidade:
Incêndio na zona industrial da petroquímica de Tarragona, Espanha. Foto: RTP

Uma forte explosão originou, nesta terça-feira (14/1), um incêndio de grandes proporções na zona industrial da petroquímica de Tarragona, cidade catalã ao nordeste da Espanha. O incidente fez as equipes de emergências locais soarem alertas de urgência química. Há informações de uma pessoa morta e outras oito feridas. 

Segundo a empresa pública de rádio e tv de Portugal (RTP), os bombeiros espanhóis afirmaram que a explosão ocorreu às 18h45 locais, por motivos que ainda serão investigados. O estrondo foi perceptível em toda a região situada perto da petroquímica.

De acordo com jornais espanhóis, a pessoa que morreu foi atingida por um edifício que caiu após as ondas de choque geradas pela explosão. Além disso, entre os feridos, um está em estado crítico, duas sofreram queimaduras graves e as restantes apresentam ferimentos leves. Há ainda uma pessoa desaparecida.

Pelo Twitter, os serviços de emergência da região da Catalunha identificaram a explosão como um “acidente químico” e aconselharam os residentes a permanecerem em casa como medida de precaução.

As vias de acesso ao local foram fechadas e a circulação de trens foi interrompida. De acordo com as autoridades, “não há sinais de uma nuvem tóxica” na região.

A empresa onde ocorreu a explosão é a Industrias Químicas del Óxido de Etileno (IQOXE) e dedica-se à produção de derivados de petróleo. Os bombeiros tiveram de encontrar a melhor forma de lidar com as chamas, tendo em vista os materiais químicos envolvidos, mas afirmam que o fogo está controlado.

Vídeos Relacionados