Mais Lidas

cenário devastador

Rússia contesta morte de civis em Bucha e ordena investigação

Rússia diz que Ucrânia divulgou informações falsas sobre possível atentado na cidade

acessibilidade:
Cidade de Bucha é palco de centenas de mortes de civis. Ucrânia acusa tropas russas. Foto: AFP/Reprodução

As mortes de dezenas de civis na cidade ucraniana de Bucha, noroeste da capital Kiev, será investigada pela Rússia que nega a autoria do atentado.

O chefe do Comitê de Investigação da Rússia, Alexander Bastrykin, afirmou nesta segunda-feira (4) que a Ucrânia divulgou “informações deliberadamente falsas” a respeito da atuação militar russa em Bucha.

A sede do governo russo também contestou a versão ucraniana e o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse que a cronologia dos eventos em Bucha esbarram nas afirmações ucranianas que acusam a Rússia de deixar uma onda de mortes na cidade.

As autoridades ucranianas também investigam os possíveis crimes cometidos por tropas russas durante a invasão a Bucha.

Negociações

As delegações dos dois países dão continuidade aos trabalhos em busca de um acordo de paz nesta segunda-feira (4). A reunião ocorre por videoconferência.

O Kremlin recusou a informar se as acusações ucranianas sobre as mortes em Bucha podem atrapalhar um consenso e o avanço das negociações para um cessar-fogo.

 

 

Reportar Erro