Mais Lidas

Problema de segurança

Ataque de hackers no Facebook afeta 50 milhões de contas na rede social

Criminosos conseguiram roubar chaves digitais que mantém usuários logados à rede

acessibilidade:
Senacom apura supostos abusos no tratamento de dados sensíveis. (Foto: Pexels/Reprodução)

O Facebook informou nesta sexta (28) que um ataque de hackers afetou quase 50 milhões de contas de usuários da rede social. De acordo com a nota publicada na conta do criador da plataforma, Mark Zuckerberg, o ataque teria acontecido nesta terça (25).

Os criminosos teriam agido a partir de um vulnerabilidade técnica no sistema, conseguindo acesso aos tokens de acesso às contas, ou seja, as chaves digitais que mantém as pessoas logadas à rede para que não tenham que preencher as informações de usuário e senha.

Os usuários afetados foram deslogados automaticamente de suas contas. De acordo com o Facebook, essas pessoas já foram notificadas sobre a ação dos hackers.

O Facebook informou que “como uma medida de precaução, mesmo já tendo consertado a falha, tiramos temporariamente a ferramenta com a vulnerabilidade técnica até que possamos completar a investigação e ter certeza de que não haverá outro problema técnico”.

A ferramenta com a falha técnica é chamada de “ver como” e permite que o dono de um perfil veja a sua conta como se fosse outro usuário. Todos que usaram o recurso serão automaticamente deslogados de suas contas para que não sejam afetados pelo ataque à rede social — um total de 40 mil usuários — mesmo que não haja indícios de que esses usuários tenham sido alvo dos hackers.

“Nós enfrentamos ataques constantes de pessoas ao redor do mundo que tentam invadir contas ou roubar informações. Mesmo estando aliviado de notificar a falha, consertá-la e garantir a segurança das contas afetadas, a realidade é a de que precisamos continuar desenvolvendo novas ferramentas para prevenir que ações como essa aconteçam”, declarou Zuckerberg. (Com informações da FolhaPress)

Reportar Erro