‘Exílio’ dourado

‘Exílio’ dourado

O futuro diretor da Casa do Brasil em Paris continuará receber seu salário na UFRGS e mais 3.200 euros (R$14,1 mil). E casa montada.

Cláudio Humberto
Cláudio Humberto
| Atualizado