99,66% apuradas

Tarcísio lidera com 42,34% e fará 2º turno contra Haddad, que teve 35,67%

Petista que aparecia na liderança isolada em todas as pesquisas, na hora da verdade, ficou em segundo na apuração dos votos válidos

acessibilidade:
Fernando Haddad (PT) e Tarcísio Freitas (Republicanos), candidatos ao governo de São Paulo.

As eleições em São Paulo foram mais uma a destroçar a credibilidade dos institutos de pesquisa, que davam liderança folgada do candidato do PT, Fernando Haddad, sobre o ex-ministro Tarcísio Freitas (Rep).

Na hora da verdade, com 99,66% das urnas apuradas, Tarcísio lidera com 42,34% dos votos contra apenas 35,67% do petista e 18,4% do atual governador, Rodrigo Garcia (PSDB).

Vinicius Poit (Novo) tem 1,67%, Elvis Cezar (PDT) tem 1,21%, Carol Vigliar (UP) tem 0,38%, Gabriel Colombo (PCB) tem 0,2% e Altino (PSTU) tem 0,06%.

 

A disputa pela vaga paulista no Senado também vai dar dor de cabeça aos “estatísticos”. O ex-ministro Marcos Pontes (PL) garantiu o mandato com 49,71% dos votos válidos. O ex-governador Márcio França (PSB), que liderava as pesquisas, teve 36,23%, Edson Aparecido (MDB) tem 7,67%, Janaina Paschoal (PRTB) tem 2,08%, Ricardo Mellão (Novo) tem 1,45%, Vivian Mendes (UP) tem 1,3%, Aldo Rebelo (PDT) tem 1,07% e Tito Bellini (PCB) tem 0,28%.