Mais Lidas

TV estatal

Audiência da TV Brasil continua a crescer e encosta na TV Cultura

Canal de TV estatal deixou de ser a ‘tevê traço’, sem audiência, dos governos do PT

acessibilidade:

A TV Brasil, canal estatal de televisão, atingiu em agosto média de 0,33 ponto no PNT (Painel Nacional de Televisão), a avaliação de audiência conhecida popularmente como “pontos no Ibope”. O crescimento da audiência no último mês foi de 6,5% em relação a julho, quando atingiu 0,31. A TV Cultura teve 0,39 ponto no ibope em agosto.

O resultado é quase metade da audiência do canal aberto RedeTV!, que teve média de 0,67 ponto no mesmo período. Com a audiência de agosto, a TV Brasil foi, pelo segundo mês consecutivo, o 10º canal de televisão mais assistido no Brasil.

O crescimento é atribuído às mudanças no conteúdo do canal, durante o último ano. Na sua criação, em 2008, a TV havia sido apelidada de “TV Traço”, por não registrar sequer um número na apuração de sua audiência, apenas um traço. Mas essa história mudou. Este ano, por exemplo, a TV Brasil realizou pela primeira vez uma série de entrevistas com os candidatos a presidente na Eleição 2018. O canal abriu espaço para todos os candidatos registrados na Justiça Eleitoral, ao contrário de outras TVs abertas que impuseram condições como representação no Congresso ou resultados mínimos em pesquisa.

A TV Brasil faz parte da estrutura da estatal Empresa Brasil de Comunicação (EBC), que também é responsável por outros veículos oficiais como o canal NBR, a Agência Brasil e a Rádio Nacional.

Segundo o UOL, a audiência da TV Brasil cresceu 64% nos últimos dois anos e figura agora, pela primeira vez, entre os dez maiores canais de TV do país.