Mais Lidas

Em breve

Apresentada no Salão Duas Rodas, novas Honda CB 500 X e F já estão em pré-venda

A linha 2020 da versão naked e aventureira da CB 500 chegam ao mercado em março

acessibilidade:
A Honda CB 500X 2020 foi apresentada no Salão Duas Rodas de 2019. Fotos: Honda.

No último Salão Duas Rodas (SDR), realizado em novembro de 2019, uma das atrações do estande da Honda foi a nova linha da família CB 500, a X e a F. As motocicletas, consideradas a porta de entrada do mundo da alta cilindrada, já estão em pré-venda e chegam ao mercado em março, com preço sugerido de R$ 26.900 para a F e R$ 28.900 na X. 

De acordo com a montadora, mesmo as duas compartilhando itens fundamentais como motor e chassi, foi possível criar motocicletas de personalidades bem diferentes. Que, segundo a marca, garante o sucesso da família 500 da CB — que completa seis anos de mercado.

Honda CB 500F.

A japonesa garante que as qualidades de aventureira da CB 500X foram exaltadas na versão 2020 através da adoção da roda dianteira de 19 polegadas, o que amplia a capacidade do modelo de encarar terrenos ruins com maior segurança. Já a 500F atende os fãs do estilo agressivo das naked, que tem como ponto forte, a grande maneabilidade.

O design da 500X está mais afinado ao estilo off-road, graças a roda de 19 polegadas, suspensão de curso ampliado e amortecedor dianteiro mais eficaz. Com isso, segundo a Honda, a motocicleta se sai melhor em regiões com pista ruim. Completam as novidades o painel de instrumentos blackout em LCD e o para-brisa com maior proteção.

Honda CB 500F.

Já a naked 500F tem no design radical o ponto que mais a diferencia da versão anterior. De acordo com a Honda, o novo guidão cônico proporciona posição de pilotagem mais adequada e que facilita o controle da motocicleta. O amortecedor traseiro foi aperfeiçoado e ela também conta com painel blackout em LCD com indicador de marchas.

Os dois modelos utilizam o mesmo motor, um bicilíndrico de 50,4 cavalos e a 8.500rpm e 4,53kgfm a 6.500rpm. O diâmetro e curso é de 67 x 66,8mm, com capacidade cúbica de 471cm³. A taxa de compressão é de 10,7:1 e o virabrequim tem moentes a 180º. 

As duas utilizam o mesmo motor de 50,4 cavalos.

Um eixo equilibrador está posicionado na parte de trás dos cilindros, próximo ao baricentro da moto, visando a redução de vibrações. O câmbio de seis velocidades é, agora, dotado de uma embreagem do tipo deslizante com acionamento assistido. A transmissão final é por corrente vedada tipo 520.

A suspensão dianteira telescópica convencional tem tubos de 41mm de diâmetro e regulagem na pré-carga da mola. O curso é de 120mm na 500F e 150mm na 500X (aumento de 10 mm em relação à versão anterior). 

As motocicletas contam com novo painel, totalmente digital.

A suspensão traseira se vale de um novo conjunto mola-amortecedor, regulável na pré-carga da mola (cinco posições). Agora, o conjunto mola-amortecedor é de tubo único e tem diâmetro majorado. Ligado à balança de aço vinculada ao sistema Pro-Link, propicia um curso da suspensão traseira de 119mm na F e de 135mm na X.

Quanto aos freios, o disco dianteiro simples tipo margarida é flutuante, com diâmetro de 320mm na 500F e 310mm na 500X. A pinça de ambas é de pistão duplo. Na traseira o disco tem 240mm de diâmetro e pinça de pistão único. O sistema ABS é de dois canais.

Honda CB 500X.