Mais Lidas

Apenas um comentarista

Bolsonaro desautoriza Mourão e conta que nem sequer conversa com seu vice

Declaração do presidente expõe alheamento do general sobre decisões do governo

acessibilidade:
General Hamilton Mourão, vice-presidente da República - Foto: Agência Brasil.

O presidente Jair Bolsonaro desautorizou seu vice, general Hamilton Mourão, que durante mais uma de suas habituais entrevistas, afirmou que o chefe de governo brasileiro cumprimentaria “na hora certa” o presidente eleito dos Estados Unidos.

Apesar da declaração de bom senso do vice-presidente, Bolsonaro destacou que se trata de uma opinião pessoal do general.

“O que ele [Mourão] falou sobre os Estados Unidos é opinião dele”, ressaltou Bolsonaro durante entrevista à TV CNN. “Eu nunca conversei com o Mourão sobre assuntos dos Estados Unidos, como não tenho falado sobre qualquer outro assunto com ele”, afirmou.

O jornalista Cláudio Humberto, colunista do Diário do Poder, tem chamado a atenção exatamente para o fato de Hamilton Mourão não falar em nome do governo, de cujas decisões não participa.

Vice-presidente com agenda frequentemente livre, Mourão assumiu o papel de uma espécie de comentarista do cotidiano. Ávido consumidor de notícias, ele está sempre bem informado e disponível para entrevistas.