Cláudio Humberto

Sem quarentena nos gastos

acessibilidade:

O Congresso tirou recesso de 48 dias. Voltou em 4 de fevereiro, depois teve Carnaval e coronavírus. Mesmo assim, deputados e senadores gastaram mais de R$6 milhões só em 2020, em “ressarcimentos”.

Reportar Erro