Cláudio Humberto

Contrato pra quê?

acessibilidade:

O TCU diz que nem sequer há termos aditivos no contrato do Ministério da Saúde com a cubana Cimab S.A. E está sendo pago até hoje.

Reportar Erro