Mais Lidas

Dados dos cartórios

Sem covid, Brasil teria a primeira redução de mortes desde 2015

Foram 1.262.135 certidões de óbito emitidas pelos cartórios brasileiros, excluindo as mortes por covid, contra 1.270.106 de 2019

acessibilidade:
Profissional de saúde próximo a leito de paciente com covid-19. Há cortinas azuis e outros leitos compondo a imagem, no Hospital Metropolitano em Maceió
Leitos de UTI covid-19 do Hospital Metropolitano em Maceió. Foto: Thiago Duarte/Agência Alagoas

Em 2020, o número de registros de óbitos no Brasil, excluindo aqueles na conta da Covid-19, caiu em relação ao ano anterior pela primeira vez desde o início da série histórica do Portal de Registro Civil, dos cartórios. Foram 1.262.135 certidões de óbito emitidas pelos cartórios brasileiros, excluindo as mortes por covid, contra 1.270.106 de 2019. De acordo com dados do portal, a covid respondeu por 13,6% de todas as mortes do país no ano passado. Este ano mortes por covid já são 34,6% do total. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Os dados dão margem para duas possibilidades: uma melhoria na saúde que resultou em menos mortes ou inconsistência nos números da covid.

Desde 2015, quando foram 907.727 óbitos, o número subiu a 1.032.418 (2016), 1.075.450 (2017), 1.202.093 (2018) e 1.270.106 (2019).

Nos EUA, apenas 5% das mortes tiveram como única causa a covid e alguns estados passaram a citar mortes “por” covid e mortes “com” covid.