Mais Lidas

Mãos que cortam

acessibilidade:

Ulysses Guimarães discursava num comício “Diretas Já”, durante o regime militar, em Manaus, quando jogaram uma corrente nos fios de alta tensão, provocando blecaute. Depois, outro gaiato (ou araponga) cortou o fio do microfone. O “Senhor Diretas” desistiu: “Vou dar a vocês o que vocês querem: a voz do governador Mestrinho.” Gilberto Mestrinho atacou: “Amazonenses! O canalha que cortou o fio que se cuide, pois a mesma coisa poderá acontecer com as suas mãos!” A plateia sabia que governador Mestrinho foi acusado de fazer a mesma coisa num comício de Jânio Quadros, nos anos 1960, e nem por isso perdeu as mãos.