Estatuto cumprido

TSE confirma afastamento de Bivar do comando do União Brasil

Decisão foi confirmada pelo ministro Alexandre de Moraes

acessibilidade:
Bivar foi afastado do comando do União Brasil (Foto: Divulgação União Brasil)

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) reconheceu o afastamento do deputado federal Luciano Bivar (PE) da presidência do União Brasil. Na decisão, assinada pelo presidente da corte, ministro Alexandre de Moraes, é pontuado que o afastamento se deu em conformidade com o estatuto do partido.

“Constata-se, sob o ponto de vista formal, que o afastamento do Presidente Nacional do União Brasil está chancelado por 10 membros da Mesa Deliberativa da Comissão Executiva Nacional Instituidora, em observância às normas estatutárias, o que autoriza a providência administrativa pretendida.

Bivar foi afastado do comando do União Brasil em um caso marcado por confusão e suspeitas de cometimento de crime. O parlamentar foi gravado ameaçando o novo presidente do partido, Antônio Rueda.

Reportar Erro